Criando vídeos mpeg a partir de figuras

Post movido para

http://www.sfair.org/blog/?p=90&language=pt

24 Respostas

  1. Simplesmente excelente dica!

  2. Tri! Foi assim que fiz os videozinhos do meu simulador durante o Mestrado. Cada frame eu armazenava em disco e depois juntava com ffmpeg.

  3. Alias, o ideal é renomear os arquivos com zeros antes do número. Para evitar que entre a figura-1 e a figura-2 seja inserida a figura-10.🙂

    Se forem esperados uns 9999 arquivos, utilizar:

    figura-0001.png
    figura-0002.png
    figura-0003.png

    figura-0010.png

    figura-0100.png

    figura-1000.png

    figura-9999.png
    😉

  4. Otavio, depois que eu descobri o ffmpeg fez-se a luz. As próximas defesas não serão mais as mesmas hehehe.

    E sua dica dos zeros é bastante útli quando tem um número grande de figuras, valeu🙂

  5. Se quiser que o ffmpeg faça arquivos no formato de iPod (h.26/MPEG-4 Part 10) tem que baixar o source do ffmpeg pelo apt-get e compilar com o suporte. Mas nada de tão horrível assim.😀

  6. […] Link to Article linux Criando vídeos mpeg a partir de figuras » Posted at Sfair on […]

  7. No semestre passado precisei gerar um video para uma disciplina, usei a mesma técnica.

    Para quem quiser ver o resultado:

    http://www.ime.usp.br/~cesargm/video2.avi

    Só por curiosidade, para gerar todos os frames tive que esperar umas 7 horas. Tudo bem que foi numa máquina antiga: Athlon XP 2400+. Mas a renderização do vídeo somente levou menos de 1 min🙂

  8. Cesar, imagino que você também tenha usado o gnuplot para gerar seus dados🙂
    O que eu fiz aqui é algo bastante parecido, porém o gráfico é bidimensional. E realmente o processo é demorado: para gerar 40000 frames e fazer o vídeo demorou aproximadamente 5 horas.

  9. Pessoal, desculpe se este não é o local ideal para colocar dúvidas, mas se puderem me ajudar fico agradecido…
    Segui os passos e o retorno foi o seguinte:
    root@ubuntu:/home/ubuntu# ffmpeg -f image2 -i fig-01.png,fig-02.png,fig-03.png,fig-04.png,fig-05.png,fig-06.png,fig-07.png,fig-08.png,fig-09.png,fig-010.png movie.mpeg
    FFmpeg version SVN-rUNKNOWN, Copyright (c) 2000-2004 Fabrice Bellard
    configuration: –enable-gpl –enable-pp –enable-pthreads –enable-vorbis –enable-libogg –enable-a52 –enable-dts –enable-libgsm –enable-dc1394 –disable-debug –enable-shared –prefix=/usr
    libavutil version: 0d.49.0.0
    libavcodec version: 0d.51.11.0
    libavformat version: 0d.50.5.0
    built on Jan 28 2007 22:48:38, gcc: 4.1.2 20070106 (prerelease) (Ubuntu 4.1.1-21ubuntu7)
    [image2 @ 0xb7edc2d0]Could not find codec parameters (Video: png)
    fig-01.png,fig-02.png,fig-03.png,fig-04.png,fig-05.png,fig-06.png,fig-07.png,fig-08.png,fig-09.png,fig-010.png: could not find codec parameters

  10. Opa Celso
    Seguinte, você não precisa colocar o nome de todas as figuras. O comando é simplesmente ffmpeg -f image2 -i fig-%d.png movie.mpeg (exatamente desta forma)

    e só uma dúvida: algum motivo para você usar sempre o usuário root? isso pode trazer sérios problemas de segurança.

    [ ]’s

  11. Oi sfair… eu já tentei de todos os modos e vc viu que ele trás erros…..dá uma olhadinha abaixo…(Obs.: as fotos estão renomeadas assim fig-01.png até fig010.png

    ubuntu@ubuntu:~$ ffmpeg -f image2 -i fig-%03d.png movie.mpeg
    FFmpeg version SVN-rUNKNOWN, Copyright (c) 2000-2004 Fabrice Bellard
    configuration: –enable-gpl –enable-pp –enable-pthreads –enable-vorbis –enable-libogg –enable-a52 –enable-dts –enable-libgsm –enable-dc1394 –disable-debug –enable-shared –prefix=/usr
    libavutil version: 0d.49.0.0
    libavcodec version: 0d.51.11.0
    libavformat version: 0d.50.5.0
    built on Jan 28 2007 22:48:38, gcc: 4.1.2 20070106 (prerelease) (Ubuntu 4.1.1-21ubuntu7)
    fig-%03d.png: I/O error occured
    Usually that means that input file is truncated and/or corrupted.
    ubuntu@ubuntu:~$

  12. Celso, entao use o seguinte comando:
    ffmpeg -f image2 -i fig-%02d.png movie.mpeg

    [ ]’s

  13. Oi Sfair…
    Se vc puder me mandar umas dicas por mail fico muito agradecido, se tiver algum tutorial em Português onde eu possa pesquisar…beleza…
    No momento só tenho a agradecer pela sua atenção, pois sou novato no Linux e fiquei um tempo com o Kurumin mas não tive opções com estou tendo com o Ubuntu, pois já estou até mexendo na configuração do programa sem medo…

    Abraços,
    Sds/Celso…

  14. vlc ?
    ótima dica hein,
    =]

  15. opa bedi
    valeu🙂 ta corrigido

  16. Para Qualquer Leigo e quem não conheçe nada do assunto: Use o Nero VisionExpress… Talvez você tenha esse excelente aplicativo aí no seu computador e nem sabe, e ter que ficar baixando esses programas da internet!😉

  17. Aquele ali de cima não tem idéia do que está falando e para quem está falando.

    Cada dia que passa eu descubro doenças mais bizarras.

  18. Se você tiver o Nero Instalado Totalmente (Completo) Ele poderá ter o Aplicativo Nero VisionExpress. Clicando nele vai abrir uma janela te dando a opção de fazer um filme apartir de suas fotos. Tem como você colocar menu Animado, som no menu, Transições entre imagens, velocidade nelas, textos, tudo que vc poder imaginar, Eu na primeira vez consegui fazer um excelente trabalho. até que consegui ganhar R$ nele😀 . Só que assim, não fica em mpeg. Fica em formato de DVD, com aqueles arquivos .VOB. mas aí é só codificar para mpeg.

  19. ahhh, agora sim
    mas acho que voce nao entendeu exatamente o espirito da coisa
    software livre e ubuntu não dizem nada?🙂

  20. hehehehe Essa foi uma dica sfair… hahhaha. VAI que alguém o Tenha no Linux… Nunca se Sabe, Acho que se eu Tivesse um Linux, Talvez eu Teria um Nero…

  21. Excelente dica. Acredito que o Gwenview, para os clicadores obstinados, faz algo semelhante, provavelmente usando o próprio ffmpeg. Seu blog é ótimo, mas infelizmente temos que ser democratas e aceitar aqui a opinião de alguns indigentes mentais…

  22. Ola Humberto
    Depois vou procurar o gwenview, ja ouvi falar sobre ele mas nunca testei.
    Obrigado pelo elogio.

    [ ]’s

  23. aff q debil mental esse boris mano…
    linux eh um SO diferento do windows…
    muitos pragramas naum possuem uma versao pra linux so da pra instalar nero c vc usar o wine anta uahuahua[:P]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: